O título refere-se ao unguento com que uma mulher, segundo o evangelho de Lucas, perfumou os pés de Jesus.
A casa do Fariseu, onde a coisa aconteceu, se encheu desta fragrância.
E ainda hoje a captamos.
O perfume da feminilidade que trascende todos os fedorentos abusos machistas.
A dignidade das mulheres é irredutível, não a diminui o nosso ( de nos homens) imbecil e presunçoso instinto adâmico.
Sou apaixonado pela maior das obras da criação.
Se sintam abraçadas.
Especialmente as desconhecidas, as oprimidas, violentadas, abusadas, lesadas pelos véus, pelos burkas, pelos socos, pelo abandono, pela submissão forçada e sistémica.
Nas lágrimas de uma só mulher, tem um pouco do sentido de todas as vidas.
E não há sequer uma mulher que não seja um frasco de nardo perfumando o ar ao redor dela.

Óleo de Nardo

R$ 230,00Preço
Chassi de Madeira
  • 50x60 cm

    Impressão giclée sobre tela

    Obra inclui certificado de autenticidade do artista