Sergio Ricciuto Conte

Nascido em Foggia, na Itália, Ricciuto mora no Brasil há nove anos. A pintar, ele começou aos seis anos de idade. Formou-se em arte no Instituto de Arte Perugini, na Itália; além das graduações em filosofia e teologia.

Telas, aquarelas, arte para mosaicos, ilustrações para livros, revistas e jornais fazem parte do porfólio deste artista que busca, dentro do contexto oportuno, envolver outras pessoas em seu processo artístico, principalmente quando se trata de espaços públicos, com igrejas, escolas e ambientes urbanos.

Tem se destacado pelas obras que realiza ao vivo durante eventos ou por encomenda e que expressam histórias de amor e de luta das pessoas que contam sua vida a Ricciuto e dele recebem uma obra de arte.

Crédito: ArtBattle Brasil

Crédito: Luciney Martins

Um viajante que carrega como mala a própria casa ou um índio nu sobre os caule de uma rosa, são alguns exemplos da linha poética de Sergio Ricciuto Conte. O Realismo Fantástico, segmento presente em outras artes como o cinema e a literatura, ganha cores e traços nas obras de Sergio que, transgredindo o real e atravessando o imaginário, consegue conjugar surrealismo e beleza, como alguém que está com os pés bem apoiados nas nuvens.

Crédito: Flora Consiglio